Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Escrever Descrever!!

Assim me encontro a tirar de dentro de mim pedacinhos meus, teus que se escondem em meus pensamentos para se revelarem aos olhos teus..Em toda a parte só se aprende com quem se gosta.



Sexta-feira, 14.09.12

Por um fio


Os dias são todos iguais,
Minh'alma está por um fio.
Segura apenas pelas lembranças
Do que já fui um dia.
Meus olhos enxergam a vida
Com suaves tons de cinza.
Pra onde foi o colorido?
Será que ele um dia existiu de verdade
Ou foi apenas uma ilusão de ótica,
Assim como o castelo que ergui sobre a areia?
Não encontro as respostas para as perguntas
Que eu fiz pra deus.
E sinceramente,
Nem sei se ele prestou atenção ao que eu disse
Ou se ao menos ouviu a minha voz.
Mas impiedosamente retirou o banquete da mesa,
Só me restaram as migalhas que eu sorvo uma a uma.
E a alma assim vai sobrevivendo...   
Agarrando-se a um fio
De esperança e de saudade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por leneoliveira às 08:18



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30